JULHO 2022

APRESENTAMOS AS MESAS CAVA, POR ANA NEUTE

 


 

Da primeira experiência da arquiteta Ana Neute com o mármore nasce a coleção de mesas de apoio Cava. “É um material que sempre tive curiosidade em trabalhar e que me fascina pelas inúmeras possibilidades de criação”, diz.

Disponível nas versões lateral e de centro, o móvel sugere um resgate metamórfico da forma original da rocha em que a matéria-prima se transforma em um abrigo para uma nova vida em mutação. “O que não é vivo abrigando o que tem vida”, diz Ana, referindo-se à cavidade no tampo do móvel, pensada não apenas para dar leveza e contemporaneidade ao desenho, mas também para abrigar uma planta. Um contraponto interessante entre a frieza e a longevidade da rocha em contraste com o verde em transformação.

 

Foto: Rômulo Fialdine.

 

A tecnologia utilizada na fabricação somada ao desenho preciso dão à peça um resultado visual de extrema sutileza. “É como se, de certa maneira, a rocha se tornasse maleável”, explica. “O que mais me interessa é a perspectiva de trabalhar com diferentes materiais, explorando tanto métodos artesanais quanto com processos altamente tecnológicos, abrindo caminho para que o desenho se expresse de inúmeras maneiras.”

A coleção Cava é composta de duas mesas de centro de altura e diâmetros diferentes, que podem ser utilizadas sozinhas ou em conjunto, e uma mesa lateral. Como um protagonista silencioso, as mesas são perfeitas para ambientes residenciais amplos, no centro da sala ou volta de poltronas ou sofá, quanto em espaços corporativos e comerciais, como no hall de edifícios e hotéis. “Apesar da matéria-prima marcante, as peças favorecem a composição com móveis de outros materiais nobres.”