JUN 2017

"DPOT APRESENTA: POLTRONA CELINE"


 

A busca por traduzir a metáfora “de braços abertos” é o mote da mais recente criação de Jader Almeida, a poltrona Celine. Convidativo, o móvel estabelece uma conexão imediata com as pessoas, tanto no campo visual quanto tátil. “Quando pensamos em uma poltrona, muitas vezes, nos vem à cabeça a imagem de seu uso primário, ou seja, o sentar. No entanto, ao criar a Celine, considerei também as funções subjetivas do produto, sobretudo, como ele se comunica com seu entorno e com quem o observa” explica o designer.

As formas orgânicas da Celine moldam a madeira do encosto e os pronunciamentos laterais que dão apoio aos braços, adaptando-se quase naturalmente ao corpo humano. O assento estofado acompanha o desenho escultural, apresentando um jogo de curvas e uma intersecção precisa entre a estrutura de madeira e a parte estofada.A tônica do desenho está na elegância, fruto das proporções adequadas, característica da assinatura de Jader Almeida.

Logo ao primeiro olhar, percebe-se as linhas contínuas que partem do espaldar até a base, com interseções suaves e soluções construtivas em total harmonia. O resultado é um conjunto poético, de linhas orgânicas e fluidas, que capta a atenção e continua a gerar descobertas pela luz e sombra e experiência do uso. “Crio produtos para pessoas reais, para uma casa verdadeira. Na maioria das vezes, essas criações acabam transcendendo sua função e se tornando um objeto de estima”, diz Jader.